A Realidade virtual está impactando empresas de forma positiva

A Realidade virtual está impactando empresas de forma positiva

A Realidade virtual é uma das grandes apostas para o desenvolvimento da indústria 4.0, graças a essa tecnologia é possível um avanço em diversos setores.

A grande expectativa dos usuários, da indústria e das organizações é que essa tecnologia consiga trazer resultados em curto prazo, a tecnologia está alcançando consumidores em diversos setores aos longos desses anos.

A Realidade virtual e a indústria

De acordo com o levantamento Global Digital IQ, realizado pela PwC, os setores que mais investirão na expansão da realidade virtual até 2021 serão o automotivo e o de telecomunicação.

No entanto, ainda há diversos desafios que precisam ser superados para a ampla adoção da tecnologia.

Além do envolvimento do usuário, os fabricantes precisam garantir a imersão.

Para conquistar uma experiência completa, é fundamental que o ambiente digital criado convença a pessoa de que aquilo é real.

Hoje, muitos games são considerados como aplicações de VR, mas a maioria não é imersiva, já que o jogador continua vendo o mundo real em sua volta.

Realidade virtual

A ideia para a realidade virtual é que o usuário possa emergir no ambiente digital e interagir com ele.

Justamente por isso é comum o uso de headsets de VR, para que o mundo externo não interfira na experiência.

Para discutir como as empresas estão trabalhando para a construção da realidade virtual, especialistas na área abordarão o tema durante o painel “Futuro do entretenimento passa por realidades aumentada, virtual e mista”, que acontecerá no dia 17 de outubro durante o IT Forum X.

A 7ª edição do evento receberá mais de 250 palestrantes em diferentes palcos e praças de conteúdo.

O tema principal desse ano será “Eu 5.0”, que busca posicionar o ser humano no centro da discussão tecnológica.

Profissionais capacitados na indústria 4.0

Quando falamos em indústria 4.0 e nas tecnologias que à engloba precisamos levar em consideração os profissionais que deverão estar aptos para administrarem todas essas tecnologias.

Tanto quanto os óculos de realidade virtual quanto impressoras 3D de ABS, resina e até mesmo a manufatura aditiva de metal será necessário profissionais que entendam esse universo e estejam aptos a operarem as máquinas e os softwares.

O futuro é agora, os profissionais devem participar de eventos, treinamentos, workshops e tudo que engloba esse universo, para se manterem atualizados e prontos para os próximos requerimentos necessários de um profissional 4.0

Veja também:

Hologramas 3D chegam a outro patamar graças a brasileiros

Compartilhe isso: